Monitoramento de Emergências nas Olimpíadas

relogio 14/07/2016 - 17:10 Notícias

O Ministério da Saúde apresentou nesta quarta-feira (12/7), em coletiva no Centro de Operações Rio, o conjunto de atividades que os governos do Estado e Município estão preparando para os Jogos Olímpicos e Paralímpicos, em agosto. Uma das principais ações para os eventos é o Centro Integrado de Operações Conjuntas da Saúde (CIOCS), que funcionará do dia 29 de julho ao dia 26 de setembro, e irá monitorar as situações de risco durante os Jogos.

O Ministro da Saúde, Ricardo Barros, comentou sobre os preparativos para o evento e explicou como funcionará o Centro Integrado de Saúde. “O Rio de Janeiro está preparado para receber os Jogos Olímpicos e Paralímpicos. O Estado, o Município e a União cumpriram a sua parte. Tudo o que ficou listado para a saúde, quando fomos escolhidos para sediar os Jogos, será cumprido e entregue dentro dos prazos”.

“O Centro serve justamente para realizar a vigilância em saúde durante os Jogos. O objetivo é que essa vigilância seja a mais eficaz possível, e que nós possamos estar prontos para atender qualquer ocorrência”, concluiu.

olimpiadas e saude

Durante o evento, profissionais de diversas áreas da saúde estarão em ação nos locais de competição. A estimativa é que 15 mil profissionais entre médicos, enfermeiros e técnicos de enfermagem estejam envolvidos no evento.

A SBEM estará representada pelo Dr. Rogério Friedman, da Regional da SBEM Rio Grande do Sul, que será voluntário nos Jogos Rio 2016. Ele já fez um relato de como imagina que será essa experiência, que foi publicado na Folha da SBEM 109.

O médico trabalha em linhas de pesquisa na endocrinologia dentro da área de exercícios físicos e é conselheiro da Autoridade Brasileira para Controle de Dopagem (ABCD). 

Em entrevista à Folha da SBEM, o Dr. Rogério enfatizou a importância de estar envolvido nos Jogos. Para ele, será uma grande oportunidade de contribuir com toda sua experiência na questão do antidoping como também aprender muito com a área de esporte e atividade física.

“Com esses assuntos em alta e as Olimpíadas acontecendo, temos que estar cada vez mais próximos do meio deles. É o momento de aprender com eles. Estou torcendo para dar tudo certo.”

Durante a coletiva do Ministério da Saúde, também foram divulgados o aplicativo Guardiões da Saúde e o Portal Saúde do Viajante. Ambas as plataformas servem para orientar a população e os turistas, e informar qual a unidade de saúde fica mais próxima ao local que ele se encontra. (fotos Celso Pupo)

cbaem 2019
Proendocrino set 2018