II Semana Internacional da Tireoide

relogio 25/05/2010 - 10:12

Por Pablo de Moraes e André Dissat

Uma ação na Central do Brasil, no Rio de Janeiro, deu início à 2ª Semana Internacional da Tireoide. Das 10h às 16h, as pessoas puderam esclarecer dúvidas sobre sintomas de doenças tireoidianas, além de receberem atendimento e realizarem o exame da tireoide. A realização das atividades no país é uma iniciativa da SBEM e da Merck, com apoio das Regionais.

 

De acordo com a Dra. Vivian Ellinger, presidente da SBEM-RJ, cerca de 200 pessoas passaram pelo local. “Imaginávamos que daríamos à população apenas esclarecimentos, mas percebemos que a grande maioria delas já veio com um diagnóstico de problemas na tireoide e procuraram atendimento. Isso mostra que estão faltando endocrinologistas da rede pública e que o atendimento não está sendo adequado”, afirmou a doutora. 

Outro ponto observado é que a grande maioria das dúvidas estava relacionada à alimentação. “Muitas pessoas nos perguntaram sobre restrições na alimentação, mesmo aquelas com diagnóstico de doença tireoidiana. Isso nos mostra que, embora pareça óbvio para os endocrinologistas que não existe necessidade de uma dieta específica, essa informação precisa ser ressaltada nos consultórios, completa.

Durante todo o dia, houve também a distribuição de folhetos explicativos sobre hipertireoidismo e hipotireoidismo. A atividade foi organizada pela Thyroid Federation International, com apoio da SBEM e da Merck.

Estavam programadas para serem realizadas, durante a semana, ações em São Paulo, Curitiba, Campinas e Salvador.

A primeira edição da Semana Internacional da Tireoide aconteceu em 2009 e foi realizada, simultaneamente, em 65 países, incluindo o Brasil.

Folhetos Explicativos



Nos links abaixo é possível fazer o download de quatro folhetos explicativos sobre a tireoide e suas disfunções: