Covid-19 e a Gestão no Trabalho dos Profissionais de Saúde

relogio 23/03/2020 - 15:42 Campanhas Públicas

O Conselho Federal de Medicina deu orientações gerais ao trabalho dos médicos, diante do avanço da pandemia de Covid-19.

Os leitos hospitalares devem ser destinados prioritariamente aos pacientes com Covid-19. A recomendação aos gestores de saúde a suspensão dos atendimentos ambulatoriais e procedimentos eletivos.

É importante restringir o número de pessoas e tempo de visita aos hospitais.

Consultas médicas devem, preferencialmente, ser suspensas. Se não for possível é importante que haja concordância com as autoridades locais ou diretor-técnico do Serviço. É preciso respeitar as normas de higienização, proteção individual e restrição de contato.

Pacientes com diagnóstico de Covid-19, assintomáticos ou com sintomas mas em bom estado geral, devem ser orientados a permanecer em isolamento domiciliar, mas aqueles com quadro grave, principalmente se estiverem com dificuldade para respirar, devem procurar ajuda médica.

Para os idosos, pacientes crônicos e em condições especiais, que fazem uso de medicamentos de uso contínuo, recomenda-se que as receitas médicas sejam fornecidas por um prazo maior de validade.

Profissionais de saúde, mesmo com sintomas respiratórios leves, devem ser testados para Covid-19 e receber orientações específicas.

O CFM recomenda que os médicos com mais de 60 anos, com ou sem co-comorbidades sejam afastados da linha de frente, sendo alocados em outros setores.

Todos precisam ser estimulados a adotar medidas de prevenir o contágio do Covid-19.

EMBE 2019