Correndo pelo Diabetes

relogio 13/10/2020 - 16:21 Atividade Fisica

Estão abertas as inscrições para mais uma edição do Correndo pelo Diabetes. O evento é promovido pela Sociedade Brasileira de Diabetes, com apoio da SBEM, e, neste ano, tem como principal novidade a alteração no formato. A ação acontece para lembrar o Dia Mundial do Diabetes, dia 14 de novembro.

Por causa da pandemia de Covid-19, e obedecendo as recomendações de distanciamento social da Organização Mundial da Saúde, a tradicional corrida será realizada virtualmente, formato já testado em outras edições no mundo, com resultados satisfatórios.

Desta forma, os participantes poderão correr em qualquer lugar do país, em qualquer dia, local ou terreno, obedecendo apenas às orientações sanitárias locais para a prática de atividade física. 

Como Participar

Ao registrar a inscrição, o atleta deverá apenas escolher a categoria: 5k, 10k ou 21k. Após o registro, ele poderá correr a partir de novembro em qualquer local e hora, de acordo com as normas da segurança sanitária local. Segundo o Dr. Roberto Zagury, um dos organizadores do evento, nesta edição os atletas não precisam correr toda a quilometragem de uma só vez. “Elas podem computar a distância percorrida aos poucos, ao longo de todo o mês de novembro, e depois compartilhar as informações”, explica. 

Os kits da corrida (camisa, bandana e medalha) serão entregues na casa do participante, em todo o Brasil, com opção de retirada também no escritório do organizador. 

Não é necessário ter aplicativo de corrida instalado no celular, mas, nesse caso, será necessário informar manualmente os dados da corrida no site onde fez a inscrição. Neste caso, é importante que o corredor utilize um cronômetro comum e registre seu tempo e distância. 

As inscrições podem ser feitas no site: corridadiabetes.com.br

Importância do Evento

Para o Dr. Roberto Zagury, a manutenção da corrida, mesmo no período da pandemia, reforça a importância da atividade física no tratamento do diabetes. “Para uma pessoa que convive com diabetes, a prática de exercícios tem importância multidimensional, afinal ela compõe o tripé do tratamento: modificações no estilo de vida, terapia medicamentosa e educação em diabetes”, explica. 

O especialista salienta que a prática de atividades físicas traz diversos benefícios. “O bom condicionamento físico reduz o risco de morte por doença cardiovascular, melhora a ação da insulina no organismo, ajuda no controle do peso e do colesterol, além de diminuir os sintomas depressivos e aumentar a qualidade de vida”, finaliza.

EMBE 2019
CBEM 2020