Congremem 2011 - Utilização de Medicamentos em Diabetes

relogio 14/11/2011 - 10:26 Eventos Médicos

 

A primeira Conferência do segundo dia de Congremem foi comandada pelo Dr. Anthony McCall, que apresentou o tema The role of new expensive agents in the tratment of type 2 diabetic patients
Segundo o especialista, a palestra teve como objetivo tentar entender como deveria ser decidida a utilização de medicamentos e em quais pacientes elas deveriam ser utilizadas. Dr. McCall falou ainda sobre os custos e benefícios das medicações. “Discutir medicamentos, significa debater não apenas seu custo, mas também seus resultados e seus efeitos colaterais. Tudo isso deve ser levado em consideração”, afirmou. De acordo com o palestrante, mesmo pensando em todos esses fatores, nem sempre a medicação escolhida é a que o paciente vai se adaptar melhor ou querer tomar. “Se seu paciente faz uso da metformina, por exemplo, nem sempre ele vai querer mudar a medicação para a insulina. Dessa forma, você perde pacientes”, afirmou.
O especialista falou ainda sobre os prós e contras de diversas medicações:
Sulfonilureias: têm se mostrado benéficas, são baratas, grande número de dados a longo prazo, porém a hipoglicemia ainda é problemática em algumas questões relacionadas com os mecanismos de ação (pré condicionamento isquêmico), além do ganho de peso de 1 a 2kg.
Metformina: benéfica a riscos macrovasculares, peso, com custo baixo. GI efeitos colaterais e acidose lática.
TZD´s: Efetivos em determinados pacientes, benefícios isquêmicos, pequena diferença na durabilidade baseada e A1c. Porém, os pacientes apresentam ganho de peso, edema, além do custo ser alto.
Insulina (basal e prandial): melhor estratégia efetiva, benefícios cardiovasculares, flexibilidade da dosagem e timing. Porém, há ganho de peso e pouca aceitação do paciente.
Dr. McCall falou ainda sobre os custos dos medicamentos para o tratamento do diabetes. De acordo com ele, o custo para diabetes é 3 vezes maior em pessoas com diabetes, mas apenas 9% do custo da doença. O especialista disse ainda que os eventos cardiovasculares representam 60% ou mais dos custos do diabetes. 

 

cbaem 2019
Proendocrino set 2018