CFO Divulga Resolução Proibindo Modulação Hormonal

relogio 31/01/2019 - 10:15 Comunicados Oficiais

A Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia (SBEM) e várias sociedades médicas vêm se posicionando há algum tempo contra a chamada Modulação Hormonal (e outras terapias similares). Na quarta-feira, 30 de janeiro, foi a vez do Conselho Federal de Odontologia (CFO) aderir a este movimento.

O Conselho divulgou a Resolução CFO 199/2019, que proíbe a realização de terapias denominadas de modulação e/ou reposição, e/ou suplementação, e/ou fisiologia hormonal por cirurgiões dentistas fora de sua área de atuação.

A Resolução vem em um importante momento, principalmente frente à divulgação recente em redes sociais, notadamente por profissionais não médicos, de inúmeras informações sobre terapias não reconhecidas pela comunidade científica.

Além de proibir estas terapias, a Resolução do CFO também não autoriza o cirurgião-dentista a ministrar, promover e/ou divulgar cursos de terapias de modulação e/ou reposição, e/ou suplementação, e/ou fisiologia hormonal ou outra denominação não reconhecida cientificamente, fora do âmbito da odontologia.

A SBEM entregou ao CFO ofício sobre este assunto, no dia 15 de janeiro, durante reunião realizada em Brasília entre as duas entidades. Neste encontro, onde estavam presentes membros da diretoria do CFO, o presidente da Comissão de Defesa de Assuntos Profissionais (CDAP) e membro da Diretoria, Dr. Neuton Dornelas, foram apresentadas as preocupações da SBEM sobre o tema.

A SBEM reconhece a importante iniciativa do CFO de se posicionar contra este tipo de pseudociência e divulgar amplamente a decisão. Ao se preocupar com a saúde da população, o Conselho restabelece as linhas que limitam a ação dos cirurgiões dentistas e reconhece os riscos associados à prescrição inadequada de hormônios, principalmente quando utilizados indiscriminadamente e sem indicação formal.

* Na foto, o membro da diretoria da SBEM, Neuton Dornelas, é recebido pela Diretoria do CFO: Juliano do Vale (Presidente), Ermensson Luiz Jorge (Vice-Presidente), Cláudio Yukio Miyake (Secretário Geral) e Levy Nunes (Assessor Técnico).

cbaem 2019