Diabetes e Anabolizantes

relogio 14/08/2009 - 22:06

placa sobre o controle do diabetesComeçou, no Rio de Janeiro, duas campanhas de esclarecimento, sendo uma voltada ao diabetes e a outra sobre o uso de anabolizantes.

Na de diabetes, as mensagens lembram a importância do controle da glicemia. Organizada pela SBEM Regional Rio de Janeiro, com apoio da Sociedade Brasileira de Patologia Clínica/ML, a ação tem como base a distribuição de adesivos aos médicos associados da Regional; divulgação da campanha em 100 bus-doors em ônibus, circulando pela cidade; e distribuição de folhetos explicativos.

De acordo com a presidente da Regional, Dra. Vivian Ellinger, o objetivo é difundir a prevenção e o tratamento do diabetes e conta com a ajuda do associados e da imprensa.  “A mídia está publicando notícias sobre a campanha, num esforço que busca alcançar os veículos de comunicação da capital e do interior”, afirma a endocrinologista.

 “Respeite os limites da sua glicose”e “Em qualquer idade, se ela estiver alta, é sinal de alerta” são algumas das frases utilizadas. Os folhetos trazem ainda os sintomas do diabetes e índices glicêmicos, além de um passo a passo a ser seguido pela pessoa com diabetes a fim de manter o controle.

Anabolizantes

Além do diabetes, a Regional também está atuando na divulgação de campanha de esclarecimento sobre o uso incorreto de anabolizantes. Foi elaborada uma cartilha explicativa sobre os efeitos dos esteróides, que está disponível para download no site da SBEM Regional Rio de Janeiro.

Formatada no estilo pergunta e resposta, a cartilha procura esclarecer as principais dúvidas sobre o assunto, explicando o que são os anabolizantes, riscos de contágios no uso, efeitos colaterais e perigos no uso.

No Folheto

Anabolizantes (os esteróides) são substâncias derivadas principalmente da testosterona, hormônio produzido pelo homem e que é responsável pelas principais diferenças entre o homem e a mulher (pêlos pelo corpo, barba, voz grossa, aumento de massa muscular, etc.).

Com a “fantasia” de alcançar uma imagem corporal perfeita, com o aumento de massa muscular e diminuição da gordura, muitos homens e mulheres ingerem ou injetam os anabolizantes. Quando é utilizado sem indicação médica, pode acarretar efeitos colaterais como: elevação da pressão arterial, aumento do LDL (“mau”colesterol) e redução do HDL (“bom”colesterol), acne, calvície precoce e lesões graves no fígado, além de alterações no comportamento (as pessoas se tornam mais agressivas).

Nas mulheres, o uso errado pode causar, entre outros problemas, irregularidade menstrual e engrossamento da voz e surgimento de pêlos. Nos homens o uso pode levar à atrofia dos testículos; redução da produção de espermatozóides;  infertilidade; e ainda aumentar o risco de câncer de próstata em indivíduos predispostos.