cbem2014
Carregando

Estímulo à Atividade Física

Por Flavia Garcia

A Quinta da Boa Vista foi o local escolhido para a apresentação oficial do Plano Nacional de Atividades Físicas, cujo objetivo é reduzir o sedentarismo e estimular a atividade física por meio de articulações entre o governo, escolas, empresas privadas, mídia, entidades científicas e comunidade para a promoção da saúde e atividade física nos estados e municípios. Com ele, o Ministério da Saúde pretende reduzir o percentual da população sedentária no Brasil, de 29% para 24%, até 2010.

A cerimônia ocorreu no domingo (5 de maio), em comemoração ao Dia Mundial da Atividade Física. Estiveram presentes os ministros da Saúde, José Gomes Temporão, do Meio Ambiente, Carlos Minc, e da Igualdade Racial, Edson Santos. Representando o Ministro dos Esportes, Orlando Silva, compareceu a Secretária Nacional de Desenvolvimento do Esporte e Políticas de Promoção do Lazer, Rejane Rodrigues, reconhecendo a importância da parceria da Saúde com outros ministérios em prol da vida saudável da população, em busca da qualidade física e também emocional.

Na ocasião foi lançada a campanha “Praticar atividade física é tão simples que você faz brincando” e, durante todo o dia (das 9h às 15h), várias tendas de orientações físicas e nutricionais estiveram montadas no parque municipal da Quinta da Boa Vista, localizado no bairro de São Cristóvão (RJ). O lançamento do Plano Nacional aconteceu no final da manhã e logo em seguida o Ministro da Saúde, Temporão, caminhou no local para acompanhar as atividades, junto às demais autoridades presentes no evento.

A escolha da cidade do Rio de Janeiro para o lançamento oficial do Plano foi uma grande alegria para o ministro Temporão, que morou na região até os 13 anos de idade e afirmou ter ótimas recordações de suas brincadeiras no parque. “Eu já soltei muita pipa por aqui. É um lugar lindo, agradável e estimula a atividade para todas as idades”, disse ele.

O ministro Temporão lembrou que a promoção da saúde está relacionada a uma escolha mais saudável na alimentação e na prática de alguma atividade corporal. Ele informou que, segundo dados do Vigitel 2008, o percentual da população brasileira adulta não sedentária aumentou de 15% (em 2006) para 16,5% (em 2008). Em 2007, este percentual foi de 15,5%. “Entre os idosos, este percentual também aumentou. O que nós estamos querendo aqui é construir uma nova consciência da importância da vida saudável”, afirmou.

Durante a coletiva de imprensa, Temporão afirmou que o Ministério da Saúde, disponibiliza 25 milhões de reais, por ano, para os 450 municípios brasileiros que já estão inseridos no trabalho nacional de estímulo à atividade física como prevenção de doenças crônicas e suas complicações. Até 2011, a meta é atingir 1000 municípios em todo o país. Ele acredita que a união de esforços é o ponto chave para a promoção da saúde pública.

Em relação à alimentação, o ministro confirmou a importância do aumento da quantidade de fibras e da redução da gordura, na dieta diária do brasileiro. “Aquele hábito de comprar o alimento industrializado no mercado, preparar rapidinho e comer se tornou um padrão alimentar que traz uma série de riscos à saúde. É muito importante que o prato de cada um de nós seja colorido, tenha cada vez mais frutas, legumes, verduras, fibras. As mudanças no padrão da alimentação previnem uma série de doenças”, afirmou Temporão.

Benefícios da Atividade Física

O Secretário Municipal de Saúde e Defesa Civil do Rio de Janeiro, Hans Dohmann é cardiologista e fez questão de afirmar que “uma atividade diária de 30 ou 40 minutos tem mais valor do que quase todas as drogas existentes para hipertensão, infarto, derrame, diabetes, depressão, entre outras. Pouquíssimas coisas oferecidas na medicina têm o aspecto tão positivo quanto a atividade física”.

Em complemento, o Secretário Estadual de Saúde, Sérgio Côrtes, que é ortopedista, chamou a atenção a todos com mais de 50 anos de idade que, ao fazer a caminhada indicada, estarão contribuindo com a diminuição da incidência de fraturas do fêmur. “Estamos aqui promovendo a saúde e não pensando em construir hospitais para resolver os problemas de saúde após instalados”, afirmou.

O ministro Temporão completou “260 mil mortes por câncer e doenças cardiovasculares poderiam ser evitadas se as pessoas praticassem meia hora de atividade física por dia e se alimentassem de forma mais saudável”. Segundo ele, estes são os dois principais motivos da mortalidade por problemas de saúde, no Brasil, seguidos de hipertensão e complicações do diabetes.

Apoio de Personalidades

Atores e craques de futebol da década de 70 também estiveram na Quinta da Boa Vista, pelo Dia Mundial da Atividade Física. Eles participaram da cerimônia, no palco, e de uma partida de futebol que contou com o ministro Temporão durante um bate-bola realizado antes do jogo. Os times foram divididos entre os atores (de branco): Ailton Graça, Fernando Pavão, Caio Castro, Fábio Villa Verde e Tiago Martins; e os ex-jogadores (de verde) Jairzinho Brito, Amarildo, Altair, Jair Marinho, Silva, Pinheiro, Roberto Miranda e Marco Antônio.

Em nome de todos os atores presentes, Fábio Villa Verde, afirmou ser uma honra participar do evento com a “conscientização de uma prática saudável, através de uma atividade física em busca de uma vida com saúde”. Seu oponente no jogo de futebol, Jairzinho, da Velha Guarda do futebol brasileiro, estimulou que os presentes pratiquem qualquer modalidade esportiva. “Não precisa ser um atleta, basta incluir 30 minutos diários de uma caminhada em sua rotina”, completou.

comments powered by Disqus

Saiba Mais