cbem2014
Carregando

Dia Mundial do Coração 2008

 

Sandra Narita 26/09/2008

Hipertensão arterial, diabetes, obesidade e colesterol alto são alguns dos principais fatores de risco de doenças cardíacas. Para chamar atenção para estes males e a prevenção contra problemas no nosso órgão vital, o Dia Mundial do Coração (todo último domingo de setembro, este ano, dia 28) escolheu este ano o tema "Conheça seu risco!".

Dia do Coração foi criado, em 2000, pela World Heart Federation (WHF) para alertar as pessoas sobre doenças cardiovasculares que, segundo a própria WHF, matam 17,5 milhões de pessoas, todo o ano, no mundo. No Brasil, de acordo com o Ministério da Saúde, esta é a principal causa de mortalidade da população, representando 31,5% dos óbitos.

Os maus hábitos de vida têm contribuído para aumentar o número de pessoas com problemas cardiovasculares, inclusive entre os jovens. Por isso, para a manutenção da saúde, os médicos recomendam a prática regular de exercícios físicos, alimentação saudável e que se evite o estresse.

As doenças cardiovasculares podem não apresentar nenhum sintoma, por muito tempo, ou apresentar sintomas vagos e comuns a outras doenças como dor de cabeça, tonteira, cansaço, enjôos, falta de ar e desconforto no peito.

O diagnóstico das doenças cardiovasculares é feito por exames clínicos e laboratoriais como exame de colesterol, teste de glicemia, medição da pressão arterial, entre outros. Além disso, o paciente deve ficar atento à medida da circunferência abdominal - as mulheres devem ter até 80cm e os homens, 94cm. Acima desses valores, o paciente é classificado no grupo de risco.

Prevenção É o Melhor Remédio

Parar de fumar, reduzir a massa corpórea e os níveis de colesterol, controlar o diabetes e utilizar ácido acetilsalicílico (sob prescrição médica) são cinco medidas preventivas que podem reduzir, em até 63%, a ocorrência de ataques cardíacos e 31% de derrame cerebral nas próximas três décadas. Esta é a conclusão presente em um relatório emitido pela American Heart Association (AHA), American Diabetes Association (ADA) e American Cancer Association (ACS).

O documento traz dados da pesquisa National Health and Nutrition Education Survey, que avaliou os efeitos das atividades preventivas recomendadas nos Estados Unidos contra problemas cardiovasculares. O relatório indica que mais de 78% dos norte-americanos adultos com idades entre 20 e 80 anos devem seguir ao menos uma das medidas preventivas de problemas cardiovasculares.

comments powered by Disqus

Saiba Mais

+ Notícias

27/08IX Endosul

Falta pouco para que a cidade de Florianópolis receba mais uma ...

27/08Diabetes no Rio

De 13 a 15 de novembro o Rio de Janeiro receberá a ...

27/08Encontros Gaúchos

A Universidade de Caxias do Sul (RS), no Rio Grande do Sul ...